Dicas para escrever uma carta de apresentação eficiente

Publicado pela Fed Finance em Conselhos de emprego
25/05/2022
Dicas para escrever uma carta de apresentação eficiente

As cartas de apresentação podem parecer uma prática antiga, mas ainda é necessária para muitas oportunidades de emprego. Saiba como melhorar com as nossas dicas:

PORQUE DEVO DAR ESPECIAL IMPORTÂNCIA À CARTA DE APRESENTAÇÃO?

Uma carta de apresentação ou de motivação (cover letter) é um documento que descreve as habilidades profissionais e indica ao recrutador quais as principais razões que levaram a pessoa a candidatar-se à vaga. Pode ser utilizada em resposta a um anúncio ou enviada numa candidatura espontânea. Através delas as empresas têm a primeira perceção do perfil do candidato. 

UM TRUNFO PODEROSO NA BATALHA NA PROCURA DE UM NOVO EMPREGO

Este documento pode ser o fator distintivo do seu processo de recrutamento e bem escrita pode captar a atenção do recrutador, sobretudo na primeira fase de seleção.
Um currículo, por muito bem elaborado que seja, perde impacto se não for acompanhado por uma carta de apresentação. Saiba quais são os fatores que o podem diferenciar dos restantes candidatos

10 DICAS PARA ESCREVER CARTAS DE APRESENTAÇÃO EFICIENTES

  • Mantenha-se simples e conciso: utilize uma linguagem formal, clara e direta e acompanhe sempre a carta com um bom Curriculum Vitae (CV). Comece com uma boa introdução que atraia a atenção e tente ser original. Surpreenda logo no primeiro parágrafo da carta, por exemplo, com 2 ou 3 principais realizações para realmente chamar a atenção do recrutador. As conquistas devem ser as mais relevantes possíveis para a posição a que se está a candidatar. 
  • Adapte à vaga: destaque os principais requisitos da oferta de acordo com a sua própria experiência. Enderece a carta à pessoa certa (a uma pessoa específica ou Departamento). Faz toda a diferença dirigir-se a alguém em concreto em vez de escrever uma carta genérica. Deverá ter uma carta de apresentação por cada trabalho a que se candidatar, adaptada à área a que se candidata. Não copie outras cartas anteriores, personalize para a vaga em questão. 
  • Não faça um resumo do seu currículo: a carta de apresentação deve enfatizar as suas realizações. Deve dar exemplos, concentrar-se nos números, nas conquistas, etc. Não caia no erro de fazer um resumo do seu CV. 
  • Responda à questão “porque devo contratar esta pessoa”. Apresente as razões da sua candidatura e motivações para a função. Lembre-se de que a carta de apresentação é um complemento ao CV, que dá um acréscimo de informação. Deve realçar o seu interesse sincero no projeto e revelar entusiasmo.
  • Tenha cuidado com os erros ortográficos e gramática. Uma carta de apresentação é uma forma simples de avaliar certas competências transversais, tais como a sua atenção aos detalhes, o seu nível de comunicação, as suas competências linguísticas (se escrita noutra língua), etc. Fazer uma revisão cuidada do texto é muito importante. 
  • Seja humilde: deve destacar as suas realizações, mas mantenha-as reais. Tente evitar grandes palavras como "espantoso", "o melhor", etc. que o podem tornar arrogante ou presunçoso aos olhos dos outros. Aproveite também a oportunidade para mostrar como pode ser um bom membro para a empresa, realçando as suas conquistas com as suas equipas anteriores. Demonstre modéstia e interesse em evoluir de forma continuada.
  • Explique a sua motivação: o principal objetivo de uma carta de apresentação é explicar porque se candidatou a este trabalho em particular. Seja específico e não genérico. Mostre confiança através das suas palavras.
  • Questões formais a ter em conta: não se esqueça de confirmar que o texto tem o mesmo tipo de letra, efetuar espaçamento entre linhas e realçar informação a negrito para facilitar a leitura. Não exceda 1 página. Apresente no máximo 3 a 4 parágrafos (250 a 500 palavras). Verifique se o modelo visual está bem formatado. Coloque os dados de contacto. Despedida cordial, data e assinatura.
  • Finalize de forma original. Termine por exemplo com um call to action, apelando ao recrutador para que agende uma entrevista.
  • Revisão Final. Recomendamos que peça a algum familiar ou amigo que reveja o documento antes de o enviar.

Leia também: 5 Soft skills importantes para cargos em finanças
Leia também: Como permanecer atrativo no mercado de recrutamento?

Contacte os nossos consultores Fed Finance para obter todas as informações de que necessita para este e outros passos do processo de candidatura. Não consegue encontrar nenhuma oferta que corresponda às suas expectativas? Submeta a sua candidatura espontânea.


Comentários
Sem comentários ainda, seja o primeiro a reagir!
Comente