Como é o mercado de recrutamento português neste momento?

Publicado pela Fed Finance dans Conselhos de emprego
29/09/2021
Como é o mercado de recrutamento português neste momento?
A pandemia influenciou as necessidades de recrutamento. O modelo de trabalho alterou-se e as perspetivas e expetativas tanto de colaboradores como de chefias também. A conciliação entre a vida pessoal e profissional nunca foi tão valorizada. Conheça a realidade e as expectativas para o mercado de recrutamento em Portugal.


O teletrabalho e as novas competências

A flexibilidade das empresas e das pessoas vai ser uma tendência. Em 2021 o trabalho remoto vai continuar a assumir-se como uma realidade num novo contexto de trabalho. Com o surto Covid-19 as empresas tiveram que se adaptar às novas exigências, acelerando a transformação digital do seu negócio, apostando na flexibilidade e em meios alternativos de dar continuidade à sua atividade. O modelo de teletrabalho trouxe também a necessidade de novas competências, exigindo profissionais organizados e resilientes. O bem-estar dos colaboradores tornou-se o mais importante, seja num modelo híbrido ou permanente. A autonomia e a gestão do tempo, mas também o elevado compromisso com o projeto e a empresa são também fatores muito valorizados. 


O que os empregadores procuram
Para além das capacidades técnicas os empregadores procuram profissionais resilientes e criativos, com capacidade de adaptação à mudança, com o pensamento voltado para encontrar soluções e com capacidades analíticas. As soft skills, como inteligência emocional, capacidade de trabalhar em equipa, facilidade de comunicação, escuta ativa, multitasking e capacidade de liderança, são algumas das competências mais valorizadas nos próximos tempos.


Flexibilidade e Reskilling
Dois aspetos que vão ser muito valorizados no futuro são a flexibilidade e o reskilling. Em termos de flexibilidade será valorizado um profissional que aceita um novo desafio em áreas que até aqui podiam não estar equacionadas, correndo assim um menor risco
de estagnar na carreira. O termo reskilling significa requalificação, ou seja, aprender ou desenvolver novas habilidades. O profissional aperfeiçoa a sua carreira e torna-se capaz de mudar de  função, caso a empresa pretenda recolocá-lo numa nova posição. Este é um colaborador versátil, flexível e com alta empregabilidade. Valoriza-se a capacidade de ver a mudança como uma oportunidade, de sair da zona de conforto e de enfrentar e gerir situações adversas. 

Competências linguísticas
O domínio do inglês é atualmente imperativo. Alemão, francês, italiano e espanhol são línguas também cada vez mais importantes e uma mais valia para garantir boas oportunidades de empregos em Portugal, nomeadamente em grandes organizações.


Atrair e reter talento
O maior desafio para as empresas portuguesas, que ainda têm que priorizar esta área, consiste em encontrar o match perfeito entre os perfis especializados e a oferta de pacote de benefícios atrativos. A aposta na formação e no desenvolvimento de talento são fatores essenciais para as empresas se diferenciarem na atração e captação de talentos, nomeadamente de profissionais estrangeiros.


Os Salários
No que concerne aos salários, a tendência passa pelo crescimento das remunerações dos colaboradores mais qualificados, porque a procura está a aumentar em relação à oferta qualificada disponível. 


Perfil em forma de T para se destacar em 2021
Muito procurados desde o Covid, esses perfis híbridos são especialistas (a barra vertical do T), mas também generalistas que expandiram seu campo de habilidades horizontais. Pessoas em forma de T têm a capacidade de aplicar conhecimento em áreas de especialização diferente da própria.
O mercado tem valorizado muito este tipo de profissionais pois possuem competências e habilidades multidisciplinares, ajudam a resolver problemas de forma criativa, e integram-se facilmente em diferentes equipas e projetos.


Tendências no mercado Financeiro
Destaca-se o crescimento das funções de “controlling”, contabilidade e direção financeira. O desenvolvimento tecnológico mostra uma procura de níveis avançados de Excel, ferramentas de Business Intelligence e domínio de ERPs.
É imprescindível que os candidatos estejam motivados para se manterem constantemente em atualização, numa lógica de aprendizagem contínua ao longo da vida.
Top 3 profissionais mais procurados:


A tendência no recrutamento
Com a pandemia os processos de recrutamento também ganharam forte expressão através do recurso às plataformas online.
Através das redes sociais as empresas ganham maior visibilidade e as suas vagas de trabalho chegam a mais candidatos, sendo agora mais fácil recrutar pessoas que estão fisicamente distantes. Mais familiarizados com as entrevistas online, tudo é mais rápido, eficaz e eficiente, tanto para os recrutadores como para os candidatos. Em suma, a pandemia também criou novas oportunidades de emprego e novos modelos de recrutamento que têm vantagens em manter-se.

No Linkedin da Fed Finance Portugal poderá aceder às vagas de emprego disponíveis e efetuar a sua candidatura com facilidade. Os nossos consultores, especializados na área financeira, acompanham-no(a) e aconselham-no(a) durante todo o processo de recrutamento. Contacte-nos


Comentários
Sem comentários ainda, seja o primeiro a reagir!
Comente